Jump to content

Livnick

Members
  • Content count

    21
  • Joined

  • Last visited

  • Battles

    10356
  • Clan

    [C4]

Community Reputation

17 Neutral

About Livnick

  • Rank
    Seaman
  • Birthday 12/18/1990
  • Insignia

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    São Paulo, Brazil
  • Interests
    World of Warships, World of Tanks
  1. Complementando o que o Freddy disse, uma informação mais sucinta sobre cruzadores 1 - Não existe uma "melhor linha" para todos ou a maioria de situações que um cruzador se encontram. Cada nação sua especialidade, com suas virtudes e fraquezas. Franceses, em especifico, são focados em usar munição HE maior parte do tempo para causar dano (seja com a HE ou os incêndios causados) em encouraçados, e se usam da distancia para fazer isso. Japoneses são similares, porem abrem mão da frequência de tiro por dano alpha mais forte. 2 - A melhor linha é aquela a qual você melhor joga. Recomendo tentar o maior numero de linhas de cruzadores possível antes de decidir qual subir antes e qual se adapta melhor ao seu estilo de jogo.
  2. Comprar navio

    O jogo trabalha com dois tipos de XP (as estrelas no caso) XP normal (prata): que você ganha jogando batalhas com seus navios. XP livre (dourada): 5% de sua XP normal vira livre (desconsiderando todos as bonificações). Dito isso: para pesquisar o próximo navio da linha, você precisa acumular uma quantidade de XP com o navio que antecede o que você quer, sendo que você pode (mas não precisa) usar parte do seu XP livre para pesquisar o próximo navio.
  3. Post foi atualizado na parte final. Como ficou agora? Agradeço o feedback.
  4. Você estaria se referindo a como cruzadores e encouraçados podem ajudar melhor os DDs com fogo de apoio, por exemplo? Se sim, acredito que cai ainda no tópico do tema, pergunto apenas para ter certeza que entendi o que você quis dizer.
  5. Obrigado pelo feedback e por compartilharem suas dicas. Estou pensando em continuar com outros tópicos, abordando de uma forma mais sucinta tópicos e temas para ter como referência e ajudar a todos!
  6. Des Moines, Cleveland, Baltimore, Buffallo, Missouri, Dm Donskoi, Moskva, Chapayev, Indianapolis, Belfast, Kronshtadt... todos estes navios e muitos outros não citados (para não prolongar a dor que alguns capitães de DDs sentem) tem algo em comum e acho que você sabe muito bem o que é. Seja o "curto" alcance dos 9,9km e intermináveis 50 segundos de radar de um DM com o módulo de radar ou os 11,7km de um cruzador russo que parecem que cobrem metade do mapa, radares são a moda e uma das ferramentas mais letais para caçar e acabar com DDs em qualquer partida. Cruzadores tem radares, e até DDs como o Black ou os Pan-Asiáticos do tier VIII para cima vem com eles usam de radares ou podem equipá-los em troca de gerador de fumaça (eu ia dizer que logo logo surge um CV com radar mas não quero dar mais ideias de navios com radar, vai que né? ). Um mal existente: Sim, eles estão ai. E assim como a AA para os CVs, é algo que um capitão de DD precisa saber lidar para sobreviver aos inóspitos mares dos tiers mais altos. E quero deixar algumas (mas não únicas, se você tiver outras dicas sinta a vontade para favorecer o debate). Antes de entrar em detalhes, quero que você entenda que para saber como mitigar o radar, você antes precisa se colocar no lugar daquele jogador de cruzador, com o dedo a milímetros de apertar o botão de radar caso seja detectado ou uma bandeira começar a virar para a sua equipe. Isso se torna chave para entender o por que e como sobreviver ao radar. Rápida Intro sobre radares: Radares são consumíveis que irão revelar qualquer navio dentro de seu alcance, mesmo que não exista linha de fogo direta entre o navio com radar e seus alvos. Basta estar dentro daquele alcance que você será detectado. Esse efeito funciona também durante ciclones, permitindo que você atire em navios sem ser visto pelo oponente. Eles tem uma duração limitada e diferentemente de busca hidroacústica eles não detectam torpedos, apenas navios. Por conta dessas limitações, geralmente bons jogadores avisam sobre quando vão usar o radar e "spamam" F3 enquanto você estiver detectado. Por conta revelarem imediatamente a posição, radares são usados como forma de evitar que bandeiras sejam tomadas ou para localizar possíveis DDs que estejam tentando lançar ataques furtivos. Conheça teu inimigo: Minha primeira dica ao entrar numa partida com seu DD é apertar o TAB para revelar todos os navios que tem ou podem equipar radar. Isso significa que sim, você TEM que decorar quais são eles, (e também que radares tem) inclusive aqueles que podem ou não equipar radar. Isso se torna importante por que a partir do momento que a partida começa, você poderá ajudar sua equipe a focar eles primeiro, ou mesmo saber se você está ou não ameaçado de ser detectado. Abaixo darei uma guia simplificada de navios com radares (por classe) e os tipos de radares que tem, mas não são os únicos que tem radar, fica como lição de casa você investigar quais estão faltando ;) - também recomendo a leitura da Wiki. Lá vamos nós: Cruzadores leves e pesados USN: Linha comum, todos a partir do Tier VIII. Seu alcance começa em 9km e termina em 9.9 no tier X. Premiums Atlanta e Indianapolis tem radares também. Duração começa em 30 e vai até 40 segundos. Cruzadores soviéticos: Linha comum, todos a partir do Tier VIII. Mesmo alcance de 11,7km e duração de 20 segundos, exceto Moskva com 25. USS Missouri: 9,45km durante 35 segundos. RN Belfast: 8,49km durante 25 segundos. DDs Pan-Asiáticos(trocando fumaça): Todos a partir do tier VIII. Alcance de 7,50km e duração variando de 15 a 20 segundos. Cruzadores RN: Todos a partir do tier VIII: mesmos moldes do radar da USN. Memorizou todos? Espero que sim. Continuando... O Valor do Radar: O valor do radar para a equipe que o tem está em dois possíveis efeitos: Converter o uso do consumível em dano Forçar o DD para fora de uma cap. Logicamente, não é apenas isso, mas são esses os dois maiores valores que se pode tirar de um radar, e considerando que após o uso o player terá que esperar 2 minutos pelo menos para um novo uso, não é atoa que todo mundo atira no pobre DD que está detectado. Então como podemos mitigar isso? Simples, negando ambas as coisas para a equipe adversária. Mais simples dito do que feito, vamos imaginar uma cap. (academia MS Paint de arte). Certo, neste cenário, vindo pelo sul é natural tentar avançar o máximo possível para ajudar sua equipe com reconhecimento. Mas, mal você sabe mas existe um mal oculto por ali. E agora você está detectado por radar. Provavelmente por instinto você irá soltar fumaça (que é inútil), irá ou se abrigar na ilhota (e irá abraçar ela com esperanças de ninguém conseguir te acertar) no meio da cap ou virar as costas com seu Boost de velocidade para correr, você nesse processo já tomou 25% de dano. 45% mas está quase longe o bastante para escapar do radar... e lá vem o salvo do BB a 18 km e... é. Primeira morte para equipe adversária e um jogo mais difícil para sua equipe. O que ocorreu de errado? P-o-s-i-c-i-o-n-a-m-e-n-t-o. Você jogou exatamente da forma como a equipe adversária queria. Fez o que um DD faz. Ir capturar a bandeira. Mas fez isso de forma agressiva demais e sem pensar nas rotas de fuga. E sem querer limitou suas chances de sair vivo. Uma coisa importante que irei colocar aqui e quero que você reflita: Trocar uma bandeira por sua vida NÃO é uma troca válida. Bandeiras podem ser tomadas a qualquer momento, mas se você morrer são pontos para equipe adversária e um navio a menos para a sua. Nada de bom. Com radares, você precisa esperar pelo pior, sabendo que um cruzador de radar está sedento por usar seu consumível premium. Então deixe ele usar, mas faça que seja um desperdício. Vou apresentar uma alternativa de posicionamento, e quero que você pense nela por um momento. Esta posição parece mais segura. Nela você tem uma ilha gigante para correr caso você comece a ser focado e rapidamente irá sair da linha de fogo da equipe adversária. Você irá em partes ceder temporariamente a cap, mas como disse antes, você pode tentar retomar ela, caso tenha sido capturada pelo oponente assim que o radar acabar. Nessa posição, você negou o dano e a kill do radar. Como disse, este é um exemplo de posicionamento mais defensivo. A experiência nos mapas irá dizer onde isso é ou não possível (mapas como Okinawa, por exemplo, tem pouca cobertura, o que torna mais complicado abusar do terreno). Outro ponto importante que vale aqui explicar é: para virar uma cap você não precisa navegar até o meio da mesma, só deixar ao menos metade do seu navio do lado de dentro já basta ;). Assim, uma técnica válida (e usada por jogadores mais experientes) é estacionar ou mesmo se mover vagarosamente na borda da cap, com o navio apontando para fora, assim você estará pronto para abandonar a cap assim que precisar, minimizando o tempo dentro do alcance do radar. (edit) Divisões: Aqui gostaria de dividir em duas breves explicações de como se portar quando estiver em divisão com cruzadores/BBs e com outros DDs. Com outros DDs, ao estiverem numa partida modo dominação com mais de um radar, tentem dividir esforços em ao menos duas bases. O motivo disso é simples: dividir riscos, pois na base que vocês optarem por ir estiver uma equipe inimiga sedenta por kills, você e seu amigo de divisão estarão em alto risco e caso acabem por serem afundados irão causar um prejuízo maior ainda para sua equipe (sempre quando vocês dois não estejam em bandeiras separadas mas ambas dentro do alcance de radar, como no mapa Norte/Luzes do Norte (vulgo "Norte com neve"). Em divisão com Cruzadores e BBs: Primeiro ponto ao capitães de BBs e CAs: ouçam seus DDs. Lembre-se que são eles que irão tentar dar a vantagem inicial a sua equipe, então ajudar a tornar a vida deles mais fácil sempre é fundamental. Geralmente um DD consegue deduzir se o cruzador com radar tem ou não linha de tiro direta. Caso você seja detectado por radar ao iniciar a captura e não havia detectado nenhum navio, é muito provável que o cruzador tomou uma posição defensiva para minimizar dano sofrido. Neste caso, como explicado acima, a decisão sensata é abandonar a bandeira até o radar passar. Caso você esteja em divisão com um navio equipado com radar (altamente recomendado), peça que ele aguarde o radar passar, enquanto toma posição, e assim que a bandeira virar para a outra equipe, imediatamente chame pelo radar para expor o DD adversário. Também é importante chamar fogo ao cruzador adversário com radar assim que for detectado para forçar o mesmo para fora da posição ou (idealmente) tirar ele permanentemente da partida. Outro ponto importante é que BBs também deve focar esforços no DD e cruzador adversário, enquanto você como DD pode adentrar na cap para começar a contestar e tomar a base para sua equipe. Bem, estas foram algumas dicas para lidar com radar em seu DD, como sempre o debate é bem vindo, sendo a ideia tornar este um guia de referência atualizado na melhor forma possível (preciso fazer o mesmo com o guia para DDs). E queria sugerir, que outros tópicos desejam que eu aborde num futuro próximo? Obrigado e bons mares a todos!
  7. Olá sea_you, 1 - Acho um pouco cedo ainda para dizer já que todo mundo está jogando cruzadores, o que altera um pouco o meta, mas acho que dentro de uns dias tudo volta ao normal. No geral, acho que eles seguem a filosofia de serem navios de apoio, que dependem de cobertura para serem efetivos, que é consistente com a linha no geral. 2 - A campanha vai levar um bom tempo para terminar, mas como é permanente isso não me preocupa tanto. Recentemente terminei a do Yamamoto então é bom ter um novo desafio 3 - Joguei algumas partidas com ele, e ele é bem forte. Praticamente resistente caso você saiba angular corretamente e resistir a vontade de se sentir um BB. Me parece um ótimo treinador de capitães soviéticos, algo que estava em falta desde a remoção permanente do Kutuzov da Premium Store. 4 - Ainda nenhum bug que afete minha performance no jogo, continuem com o bom trabalho!
  8. Essa questão de infestação é comum, por que todo mundo quer jogar com os navios novos, é sempre assim. Eu estou jogando com BBs apenas para "balancear" as coisas No geral eu gostei, o Kronshtadt foi uma bela adição ao jogo (meu novo treinador de capitães soviéticos), e assim que a queue acalmar vou retomar com o Clev para ter o XP suficiente para subir ao Seattle assim que o resto da linha for liberado. E também consegui um lucro considerável com o sistema de compensação com a mudança da linha de cruzadores americanos, então no geral estou satisfeito (e esperando o começo da campanha pelo Indianapolis para ter mais um premium no porto)
  9. Guia geral de contratorpedeiros

    Obrigado :) Expandir em que sentido? Expandir para outras classes de navios?
  10. Modificadores são os bônus em XP que são somados ao seu ganho em XP base. Isso inclui o bônus pela primeira vitória do dia, camuflagens, bandeiras e bonus que seu clã tenha.
  11. Olá a todos, bem vindos ao guia geral de contratorpedeiros! Como base vou tomar o jogo em seu estado atual (0.7.4.1), e atualizando a medida que as coisas forem evoluindo. Objetivo deste guia é mostrar os papeis mais gerais e builds específicas para DDs, dividindo eles de acordo com sua funcionalidade, mostrando builds recomendadas de capitão e oferecer exemplos de navios que desempenham certos papeis. O Básico sobre Contratorpedeiros (DD): No geral, DDs são uma classe de navios que possui um ocultamento excelente* e possui em seu arsenal torpedos, velocidade* e manobrabilidade*. Você deve ter notado os asteriscos, toda vez que colocar eles quer dizer que há exceções a regra, mas não se preocupe ainda. DDs são scouts*, com capacidades de detectar navios, contestar caps, combater DDs inimigos e lançar ataques ocultos contra navios capitais (Encouraçados, Porta-Aviões, etc). Esses são papeis básicos de todo o DD, e no geral seguir essas regras vai ajudar e muito a sua equipe assim como a você melhorar sua jogabilidade. Nem todos os DDs nascem iguais... Então, eu tinha dito dos asteriscos, certo? Pois é, nem todos os DDs são iguais em sua jogabilidade, e alguns jogam de forma tão distinta que os torna muito diferentes dos demais. Para ajudar o entendimento e evitar que tenhamos que falar de todos os DDs do jogo e suas características em detalhes, podemos classificar eles de acordo com seus traços gerais e como fazer melhor uso das características de cada navio dentro de sua build. Apresentando o gráfico. Para ajudar o entendimento, elaborei este gráfico simples que divide em dois eixos: tipo de armamento mais eficiente e distância ideal de combate. A ideia dele é trazer uma ideia geral de onde DDs em geral acabam por cair e ajudar a explicar a diferenças nas builds de cada navio. "Livnick, isso quer dizer que meu DD só pode cumprir este papel?" Minha reposta para isso seria "não". No geral, os exemplos que darei são de DDs melhor adaptados para certas tarefas, mas isso não significa que sejam incapazes de fazer qualquer outra coisa. Leitura de jogo e posicionamento são fundamentais para o sucesso de um DD, e se isso quer dizer que você vê uma oportunidade de virar uma cap com seu Khabarovsk, faça isso. Bem simples, não é? Agora vamos colocar os DDs de acordo com suas características dentro do gráfico. Contestadores de Cap (Cappers): Ainda que o papel geral de um DD seja tomar controle de um objetivo, existem aqueles que são melhor equipados para esta tarefa do que outros. No geral são DDs que possui a vantagem em combates em curta distância e tem a artilharia para enfrentar qualquer DD que tente contestar o ponto de captura. As vezes eles possuem consumíveis (hidroacustica ou radar) que trazem uma vantagem sobre o oponente o que os torna mais eficazes em virar caps para sua equipe. Exemplos: Z-52, Lo Yang, Z-39, Black, Akizuki. Ao jogar com um deles exerça o controle da cap e use suas ferramentas para afastar qualquer tentativa de contestação de cap por parte de DDs da equipe adversária. Build Genérica Torpedeiros (Torpedo-Boats): São DDs com excelente ocultamento e letal armamento de torpedos, geralmente com alcance e recarga decentes, capazes de danificar ou forçar reparo em Battleships ou mesmo sem acertar algum torpedo forçarem o adversário a se reposicionar, favorecendo sua equipe. São comumente vistos como DDs negadores de espaço, por conta do volume de torpedos que podem ser lançados em um curto espaço de tempo em certas áreas do mapa. Exemplos: Shimakaze, Shiratsuyu, Asashio, Yugumo. Ao jogar com estes navios, use de seu ocultamento para se posicionar em locais vantajosos para você e sua equipe (canto do mapa não é local vantajoso), detecte navios inimigos, leia a equipe inimiga e reconheça quando eles começarem a avançar em um corredor e encha a posição de torpedos. Depois disso espere e veja seu indicador de hits de torpedo e seu indicador de dano causado aumentando :) Build Genérica Contratorpedeiros Artilheiros (Artillery DDs): São Contratorpedeiros com excelentes canhões, balística de longa distância e velocidade, enquanto abre mão de seu ocultamento e torpedos. São aqueles muitas vezes vistos como os mais egoístas, mas para ser justo eles cumprem um papel importante. Geralmente ficam nos flancos, constantemente disparando em mar aberto e causando incêndios com seu armamento PE (HE). Com isso, eles acabam atraindo para si muito fogo inimigo, e permite que sua equipe possa concentrar fogo no oponente sem se preocupar tanto com fogo de retorno. São DDs que "farmam" medalhas como "Secador" , "Calibre Grosso" e "Confederado", ainda que não contribuam tanto para capturar objetivos. Exemplos: Khabarovsk, Udaloi, Tashkent, Minsk, Kiev. Ao jogar com eles, seu objetivo é causar a maior quantidade de dano possível em battleships, enquanto mantendo distância. Geralmente não são navios que gostam de combates de curta distância e por isso o ideal é evitar combates assim fazendo o famoso "kitting". Build Genérica Contratorpedeiros de Suporte (Support DDs): São contratorpedeiros que jogam em sinergia com a equipe, e oferecem grande ajuda quando combinados com outros DDs. Eles apoiam DDs ao tomar objetivos, usando fumaça e até mesmo com Fogo AA para ajudar a combater ataques aéreos. São DDs que acrescentam muito valor em divisões e não é a toa que são comumente usados por equipes competitivas de World of Warships. Exemplos: Benson, Gearing Mahan, Fletcher, Kidd. Ao jogar com eles, busque ser o jogador que apoia seus teammates. Apoie DDs ao tomar objetivos, use Fumaça para ocultar seus cruzadores. Por geralmente serem navios bem versáteis, enquanto você espera a próxima fumaça, recarregar, detecte oponentes, lance ataques de torpedos, ataque e defenda caps. Build Genérica Build anti-aérea Contratorpedeiros Híbridos (Hybrid DDs): Aqui vale uma nota para contratorpedeiros híbridos, capazes de transitar entre duas categorias, dependendo da build e situação da batalha. São navios que nas mãos corretas podem cumprir essas funções sem muitos problemas. É o famoso "pau para toda obra", bom em quase tudo mas sem ser especialista de nada. Exemplos: Leningrad, Grozovoi. Ao jogar com eles, valorize sua versatilidade e cumpra as funções que sua equipe mais necessita naquele momento. Adapte seus planos de acordo com a batalha e mantenha em mente quais suas prioridades em cada momento. Build Genérica Mas os torpedos Deep-Water? DDs Pan Asiárticos vieram trazendo diversidade ao jogo com um estilo diferente de jogabilidade. Suas fumaças são mais voltadas para uso individual e os torpedos DW são o pesadelo de cruzadores e BBs, mas não para DDs. Por este motivo, tenha em mente que você tem essa desvantagem em um duelo DD x DD. Se use de kitting e evite duelos que te deixem vulnerável a ser atingido por torpedos, já que você não pode torpedear de volta. Como fica o gráfico? No gráfico estarão ao menos 1 representante de cada classe para que você tenha uma melhor ideia de como cada DD costuma se portar em batalha. Bem, espero que o guia ajude a entender melhor o papel e variações de contratorpedeiros dentro de World of Warships. Este guia não é definitivo, pois ainda há elementos que não foram levados mencionados, mas espero que sirvam como linha geral para ajudar a entender melhor como treinar seu capitão de acordo com o navio e estilo de jogo que você quer, assim como ajudar aqueles que desejam subir uma linha mas não sabem bem como jogar com os navios da linha. Obrigado pela leitura, e tenha um ótimo dia!
  12. Neptune

    No porto, e em batalha (usando a tecla H) você pode verificar o range de spot do seu navio dentro da fumaça. O do Neptune é de 6.6km, o que significa que se algum navio estiver a essa distância ou menos de ti, você vai ser detectado por conta da penalidade de disparar de dentro da fumaça. Caso você esteja sofrendo com isso recomendo que jogue um pouco mais recuado nos momentos iniciais da batalha e ter um cuidado extra antes de estacionar dentro da sua fumaça.
  13. Como Nascimento citou acima, Deimos e TitiuBlack são as referencias que me vem a mente se tratando de geradores de conteúdo para WoWs em português. Pelo fato de Titiu ter sido o que mais se aprofundou em detalhes como a mecânica básica do jogo e economia ele possui uma reputação muito positiva dentro da comunidade, porém infelizmente ele decidiu ancorar seu navio e seguir com tanques.
  14. I believe that radar mechanic could be improved to be only effective if between you and the target ship have an unobstructed LOS. That would eliminate the "cruiser hold a strong position behind an island and using radar every cooldown" as it would create a risk-reward scenario (if I play aggressive, I will be rewarded by using effective my consumable) without excluding the consumable completely at the same time.
  15. Preços mais baixos BR

    Ótimo ver uma iniciativa dessa por parte da WG, mostra que eles acreditam sim no mercado LA. Querendo ou não, por mais que o preço esteja em dólar é complicado equiparar o poder aquisitivo de um jogador dos EUA e um daqui. Discussões econômicas a parte, já posso deixar de "namorar" os navios na Premium Store e já ficar de olho nos bundles deste mês...
×